Combate à COVID é maratona que ainda vai a meio

Miguel Albuquerque apelou hoje aos hoteleiros para que peçam aos turistas para que andem com máscara na rua. O presidente madeirense diz que situação no Porto Santo está controlada, mas podia ter sido tudo muito complicado.

O presidente do Governo Regional diz que o combate à COVID-19 é uma maratona, não um sprint, realçando que ainda estamos a meio do percurso. Miguel Albuquerque comentava assim o facto de não se ter confirmado foco de infeção local, na sequência de caso confirmado de COVID de turista continental que passou férias na ilha.

Desta forma, o governante diz que é preciso continuar a cumpri com as normas. Daí que tenha apelado aos hoteleiros para que peçam aos turistas – «felizmente estão a regressar a Madeira» – que usem a máscara quando circulam, a pé, nas vias públicas.

Miguel Albuquerque falava aos jornalistas, hoje de manhã, à margem de uma visita que fez à empresa “Aviatlântico”, instalada no Santo da Serra.

Questionado pela Comunicação Social, o líder madeirense recusou-se a entrar em euforias, por não se ter confirmado um eventual foco de contágio local, no Porto Santo. E disse que é preciso que os madeirenses e os porto-santenses continuem a estar muito atentos e a cumprir com as regras de higienização, distanciamento social e de uso obrigatório da máscara.

Miguel Albuquerque fez questão mesmo de reiterar que «é importante que as pessoas façam um pequeno sacrifício para usar a máscara, no sentido de prevenir casos como o que aconteceu no Porto Santo».

«Podíamos ter um foco de infeção local no Porto Santo, o que seria muito difícil de controlar. Neste momento a situação parece estar controlada, embora seja necessário aguardar mais algum tempo pelos resultados», enfatiza.

O chefe do Executivo regional lembrou ainda o agravamento das situações em países como a Itália, Espanha, e até no continente português, onde «os números são catastróficos, outra vez», para sublinhar que nada está ganho e

que é preciso não entrar em euforias, «porque tudo pode mudar de uma hora para a outra».

«Aqui na Madeira temos de ter juízo e cuidado. Nada de relaxar, temos de manter o distanciamento, usar a máscara, e tentar fazer a nossa vida, mas com todas as precauções», reforçou, a concluir.

Presidente do Governo diz que o combate à COVID é situação que ainda vai a meio. Neste sentido, avisa, é preciso que não se entre em euforias e que se continua a cumprir com o distanciamento social, com a higienização e com o uso da máscara.

Presidente do Governo diz que o combate à COVID é situação que ainda vai a meio. Neste sentido, avisa, é preciso que não se entre em euforias e que se continua a cumprir com o distanciamento social, com a higienização e com o uso da máscara. Aliás, Miguel Albuquerque apelou mesmo, à margem da visita que fez, nesta manhã de quinta-feira, a aviário no Santo da Serra, para que os hoteleiros vão alertando os turistas para que usem obrigatoriamente as máscaras na via pública.

Posted by Governo Regional da Madeira on Thursday, 27 August 2020

Fonte: madeira.gov.pt

Partilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email