Metade da população da Madeira com vacinação completa, informa Governo Regional

CORREIO DA MANHÃ 28/07/2021

Metade da população residente da Madeira, arquipélago que tem cerca de 260 mil habitantes, já tem a vacinação completa contra a Covid-19, tendo 62% recebido a primeira inoculação, informou esta terça-feira o Governo Regional. “Do número total de vacinas administradas (286.507), 158.306 correspondem a administração da primeira dose e 128.201 doses que correspondem à vacinação completa”, refere o boletim da vacinação, com dados até 25 de julho, divulgado pelo gabinete do secretário regional da Saúde da Madeira.

No documento, pode ler-se que “isto significa que 50% da população residente tem já a vacinação completa e 62% uma dose da vacina”. O processo de vacinação na Madeira começou em 31 de dezembro de 2020 e as pessoas inoculadas “integram os grupos prioritários definidos no Plano Regional de Vacinação contra a Covid-19 na região, de acordo com a alocação das vacinas ao arquipélago”. O executivo madeirense indica que, na última semana, foram administradas 18.804 vacinas, das quais 4.159 foram primeiras doses e 14.645 segundas doses.

O Governo da Madeira salienta que vai dar continuidade à vacinação em toda a região, destacando as três iniciativas ‘Open Day’ para a vacina da AstraZeneca, nos dias 27, 28 e 29 de julho, nos concelhos do Funchal, Câmara de Lobos e Santa Cruz. Esta terça-feira, o secretário da Saúde da Madeira anunciou que a região vai começar a vacinar os jovens entre os 12 e 17 anos no próximo sábado, com as vacinas da Johnson e Pfizer, recomendadas pela Agência Europeia do Medicamento.

O objetivo é “vacinar mais rapidamente possível”, “proteger todos os escalões etários” e ter a população estudante vacinada antes do início do próximo ano letivo. A Direção Regional da Saúde (DRS) informou na segunda-feira que a Madeira registou 15 novos casos de infeção por SARS-CoV-2, 234 situações ativas e sete doentes internado nas unidades polivalentes do Hospital Dr. Nélio Mendonça, no Funchal, que tem os cuidados intensivos sem doentes. A pandemia de Covid-19 provocou pelo menos 4.169.966 mortos em todo o mundo, entre mais de 194,6 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o balanço mais recente da agência France-Presse.

Em Portugal, desde o início da pandemia, em março de 2020, morreram 17.307 pessoas e foram registados 956.985 casos de infeção, segundo a Direção-Geral da Saúde. A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como o Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil e Peru.

Notícia completa aqui.

Partilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email