Número de passageiros com teste até 72 horas corresponde às expetativas do Governo

Miguel Albuquerque disse ser crescente o número de operadores que agora se aproximam da proposta da Região de apresentação obrigatória de teste PCR no momento do embarque.

O Presidente do Governo Regional indicou sábado, 18 de julho, que a percentagem de passageiros com teste PCR realizado até 72 horas antes do embarque corresponde àquelas que eram as expetativas do Executivo.

Miguel Albuquerque recordou ainda a proposta da Região junto das instâncias nacionais e europeias, aquando da retoma dos voos e do turismo – a apresentação obrigatória de teste PCR no momento do embarque -, sublinhando o facto de, neste momento, os operadores estarem a aderir à solução preconizada pela região autónoma.

“Nós dissemos que uma das soluções era entrar no avião já com o teste feito para garantir segurança e um maior número de passageiros”, lembrou o Chefe do Governo.

“Há grandes operadores internacionais que, na altura, fizeram pressão junto da União Europeia para uma abertura de voos de qualquer maneira, hoje já estão a chegar a essa conclusão.      

Para Miguel Albuquerque é humano uma pessoa com filhos ou acompanhado da família não querer entrar num avião havendo incerteza quanto ao risco de infeção.

Fonte: madeira.gov.pt

Partilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email