Região facilita processo de testagem para visitas aos lares

O Governo vai alterar o processo de testagem obrigatório à COVID para quem pretenda visitar familiares nos lares da Região. O presidente do Governo Regional diz que os procedimentos serão facilitados e acelerados, conforme resolução a aprovar amanhã, em sede de plenário do Executivo madeirense.

Miguel Albuquerque, que falava à margem de uma visita que fez hoje à igreja matriz de São Jorge, onde decorreram obras de requalificação, anunciou que, numa primeira fase, os testes serão efetuados nos centros de saúde da respetiva zona de residência, em vez de no Hospital, como até agora.

Depois, a partir do dia 26 de abril, esses mesmos testes já poderão ser feitos nas farmácias, «que irão disponibilizar os testes rápidos para quem quiser visitar os seus familiares, sem esta burocracia e estas demoras».

Segundo o governante, dos 32 lares da Madeira só nove tinha capacidade logística e de recursos humanos para fazer essa testagem nas suas próprias instalações, solução que chegou a ser ponderada. Mas, face a esta realidade, o Governo Regional optou pela testagem nos centros de saúde e nas farmácias da área de residência.

Todos os procedimentos, a serem oficializados amanhã, em resolução, estarão sempre sob o controlo da autoridade de saúde.

Questionado sobre os 30 casos ontem registados, número superior aos dos dias anteriores, Miguel Albuquerque lembrou que apenas 23 foram de transmissão local, alguns deles «com incidência muito particular numa cadeia que está controlada, no concelho de Machico».

Fonte: madeira.gov.pt

Partilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email