Tomada de decisão assenta na auscultação de especialistas na área da Saúde

Miguel Albuquerque disse aos deputados que as decisões do Governo relativas à COVID, devido à especificidade técnica e científica, têm por base uma auscultação prévia da Direção Regional de Saúde.

O Presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque, disse quinta-feira, 5 de novembro, aos deputados à Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, que as medidas adotadas e implementadas pelo seu Executivo, no âmbito da prevenção e mitigação da COVID-19, pela sua especificidade técnica e científica, têm assentado numa auscultação prévia dos especialistas da Direção Regional de Saúde.

Por outro lado, no que concerne à economia, o líder do Executivo sublinhou a auscultação de um conjunto alargado de entidades, designadamente no quadro do Conselho Consultivo de Economia.

O Chefe do Governo relevou, sobretudo o facto da auscultação na Região ser consequente, ou seja, leva à tomada de decisões.

“Há tempo para ouvir e tempo de decidir”, disse o Presidente do Governo.

“Há muita gente que passa a vida a auscultar e dialogar que não tem capacidade, nem competência, nem coragem para decidir. Muitas as vezes o falso diálogo, a retórica vazia e a auscultação inconsequente são uma desculpa para a incapacidade para a tomada de decisões e pelo medo de assumir as suas consequências”, prosseguiu.

Fonte: madeira.gov.pt

Partilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email